• Prefeitura de Acrelândia

Olavinho participa de agenda para debater industrialização e atrair investidores para Acrelândia

A prefeitura de Acrelândia, em parceria com a vice governadoria do estado, na pessoa do vice-governador Major Rocha, iniciou uma série de reuniões com empresários e produtores rurais para debaterem a industrialização do município. O objetivo é fazer um levantamento dos benefícios fiscais que podem ser oferecidos e áreas disponíveis para apresentar aos futuros investidores.

A reunião ocorreu hoje, 13, as 9 horas no auditório da CEDUP e contou com a participação do prefeito Olavinho Boiadeiro, do vice-governador Major Rocha e representantes da Secretaria de Estado de Indústria, Ciência e Tecnologia (SEICT), Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo (SEET), FIEAC, SEBRAE, SENAI, BASA, empresários e produtores rurais.


Durante o encontro, Olavinho falou sobre as vantagens que Acrelândia dispõe para atrair os empresários e quais as áreas disponíveis para a instalação de novos empreendimentos, e pediu ao Major Rocha (vice-governador) um esforço maior do Governo do Estado para promover a industrialização o quanto antes, aproveitando a vocação da região para o agronegócio e processamento de café, banana, leite, carnes e insumos.

“Acrelândia tem um potencial muito grande para receber novos investidores e o nosso objetivo aqui é promover a atração de investimentos e é importantíssimo contarmos com o apoio do Governo do Estado, dos produtores rurais e empresários, assim, poderemos gerar emprego e renda ao nosso povo”, destacou o prefeito.

As conversas sobre a industrialização de Acrelândia já estão ocorrendo desde o início do governo Olavinho, prova disto, é que na semana anterior, o vice-governador Major Rocha e a Deputada Federal Mara Rocha e comitiva, estiveram na cidade, e o prefeito conduziu visitas a diversas propriedades rurais, apresentando o potencial de produção do município e a necessidade de investimentos na cidade e também na disponibilização de crédito para os produtores e empresários locais.

0 comentário