• Prefeitura de Acrelândia

Acrelândia passa o primeiro final de semana de lockdown de forma tranquila

Primeiro dia de lockdown em Acrelândia foi tranquilo, afirma equipe da vigilância sanitária


O município de Acrelândia enfrenta a pandemia do novo Coronavirus ainda em 2021, e por conta do decreto estadual, realizou o primeiro final de semana em lockdown. Segundo o governo do estado, tendo em vista o alto número de pessoas contaminadas e óbitos no Acre, o comitê entendeu que essa medida irá reduzir a taxa de contaminação, já que não há mais leitos para pacientes com covid-19 e síndrome respiratória.

A administração municipal, informou que de fato há um grande número de pessoas infectadas e a área de saúde está sobrecarregada e as dificuldades para controlar o avanço da covid-19, tem se agravado, e o único hospital "Unidade Mista" o município os leitos estão praticamente lotados de pacientes com o vírus da covid-19.


Nas primeiras horas do sábado, 13, o município cumpriu o lockdown. A vigilância sanitária não relatou nenhum problema na cidade por descumprimento, e passou o final de semana acompanhado da Polícia Civil e Militar, fiscalizando a cidade afim de garantir o fiel cumprimento do que estabelece o decreto estadual. Logo comércios não abriram suas portas, apenas os serviços essências estão funcionado, como farmácias e serviços públicos na saúde e segurança. O decreto não proibi a circulação de pessoas nas ruas, apenas proibiu o funcionamento dos comércios.


O município está seguindo o decreto do governo estadual, e segundo o gerente Juvenal, o final de semana foi de tranquilidade, e pontou que a população entendeu a necessidade do isolamento e distanciamento social nesse momento.

“Graças a deus nossa população entendeu a importância do isolamento e distanciamento físico e social nesse momento. De qualquer forma, estamos nas ruas com a participação das polícias civis e militares sobre o comando do tenente Apolinário para cumprir o decreto estadual. Nesse primeiro dia nada de resistência, tudo dentro da normalidade” frisou o gerente Juvenal.

Ainda de acordo com o gerente, houve uma alteração no decreto para o interior, autorizando os postos de combustíveis a abastecerem há qualquer hora do dia os veículos oficiais (Ambulâncias, Samu e Viaturas da Polícia e Corpo de Bombeiros), os demais continuam com a vedação.

0 comentário